FotoPoesia

Te Tapu-nui, The Hill of Gold

I climbed through pine forest
Where the south wind moves
All around made me remember my dreams
and the bluest blues I’ve ever seen.
As the cold wind kiss my neck in the hill of gold
And it smells really nice on warm sunny.

Even with the coldest winds
I’ve felt the sun in the bluest blues
Among the spiral of cloud
Doesn’t really matter if I’m on the run
It seems like me and Te Tapu-nui are meant to be.

I don’t know what make me believe
Putting all my dreams in the basket
I don’t care what is written in my destiny
As long as my basket are full.

Very little things that I have lived here
Feels like it’s huge deep within me.
Very long walk that I have done here
Feels like I’m on my way.

TRADUÇÃO

Te Tapu-nui, o morro de ouro

Eu subi pela floresta de pinheiros
Onde o vento do Sul move
tudo ao meu redor me fez lembrar dos meus sonhos
e o blues mais azul que já vi.
Como o vento frio que beija meu pescoço no morro de ouro,
e cheira muito bem no sol quente.

Mesmo com os ventos mais frios
Eu senti o sol no blues mais azul
Entre a espiral de nuvem
Realmente não me importa se eu estou só de passagem
Parece que eu e Te Tapu-nui fomos feitos um pro outro.

Não sei o que me faz acreditar
em colocar todos os meus sonhos na cesta
Não importo o que está escrito no meu destino
Desde de que minha cesta esteja cheia.

Cada pequena coisa que eu vivi aqui
Parece ter ficado enorme dentro de mim.
Cada longa caminhada que eu fiz aqui
Parece que estou no meu caminho.