Sentimentos Cotidianos

Além do Sol

O último dia do ano terminou, as estrelas mergulharam naquela noite, amanheceu o novo dia. Em pouco tempo, vislumbro os raios de sol tocarem o céu. Sentir o sol se revelar pra mim foi uma experiência muito forte. Um momento único, sentir o meu coração começando a aquecer. Por mais criatividade e capacidade de imaginar o que existe por trás dele é impossível mensurar tamanha grandeza. Essa verdade que vem além do sol é, no mínimo, uma revelação da verdade, e é necessário assumir essa revelação, por mais desafiador que isso possa ser. Porque é a única verdade que nos liberta.

Nascer do sol.

Seja honesto e crie um elo de comprometimento consigo. Busque dentro de você mesmo, a sua essência, a sua missão, viver na verdade nos leva à compreensão dos significados mais profundos. Além do sol, é possível sentir o centro do nosso universo. Você acredita que a dor assim como a alegria é causada por algo ou alguém, que não seja você, mas isso é ilusão. Você rege suas próprias emoções sob a influência da consciência de si mesmo. Você não é o corpo. Ao se olhar, ao se escutar, ao encontrar a sua luz interior, o seu verdadeiro brilho e beleza, você se reconhece. Assuma a responsabilidade de identificar e encarar as partes dentro de você que estão impregnadas com o egoísmo, a inveja, o orgulho, a arrogância. Agora eu sugiro que você se permita ter um momento somente seu, olhe nos olhos do sol, procurando sintonizar além. Aceite quem você é, enfrente os seus medos e descubra a sua verdade.

Enquanto o sol vem surgindo, você relaxa e consegue ser você mesmo. No caso, você está no caminho da purificação e, é justamente o recolher da alma. Os seus raios solares começam a iluminar a si mesmo, ultrapassando as fronteiras do seu eu idealizado. Conhecer a si próprio requer coragem. O amor é a sua verdadeira essência. Não o amor das emoções passageiras. Diferente daquele amor que não quer sofrer, não quer superar, não aguenta esperar. Ou o amor que se apega a uma única pessoa. Mas o simples amor de estar aqui. Vá além das suas crenças, dos seus conceitos. O que está te impedindo de amar? Se tu me mostras o que tem materialmente, conhecerei mais um como tantos outros que já conheci. Mas se tu me mostras o que és verdadeiramente, se tu revelas pra mim a tua alma pura, então contemplarei algo único no qual jamais conheci.

No silêncio da manhã, vejo o primeiro nascer do sol, que se parece com os outros. Mas é tão diferente por ser verdadeiro. Somente com ele fico completamente nua, retiro todas as minhas vestes, olho profundamente para ele e então, choro!

* Pra ficar ainda melhor escute a canção “Photograph”.